Urgente: Hoje o Paraná fica em Recife! Batalhão de choque preparado para reprimir ocupação da Câmara dos Vereadores

O Paraná não é tão longe! Hoje o Paraná fica em Recife!!! O Batalhão de Choque está preparado até os dentes para dizimar dezenas de manifestantes que estão, bravamente, defendendo e ocupando a Câmara...

1789 0

O Paraná não é tão longe! Hoje o Paraná fica em Recife!!!
O Batalhão de Choque está preparado até os dentes para dizimar dezenas de manifestantes que estão, bravamente, defendendo e ocupando a Câmara de Vereadores do Recife após o Golpe que foi a aprovação do Plano Urbanístico do Cais José Estelita!  O projeto foi aprovado hoje, em regime de urgência e de forma antidemocrática!

Entenda o caso: 

A Câmara de Vereadores do Recife aprovou, sem estar na ordem do dia, o Plano Urbanístico do Cais José Estelita, sob protestos e atropelando até a fala de Vereadorxs, caso ocorrido com Isabella Roldão. A sessão aconteceu no mesmo dia em que o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) encaminhou à presidência da Câmara um ofício informando sobre ação civil pública que pede a devolução do projeto de lei para o Conselho da Cidade da Prefeitura do Recife. A promotoria ajuizou essa ação no Tribunal de Justiça de Pernambuco na última quinta-feira (30).

A justificativa do Presidente da Câmara de Vereadores, Vicente André Gomes, em entrevista na TV após a votação foi:

Eu coloquei ele extra-pauta porque, efetivamente, há um questionamento de setores da sociedade pela demora do projeto na Casa.”

Que setores são esses?? As empreiteiras? O Consórcio Novo Recife? Apenas a eles interessam aprovar o Plano atual e sem participação popular, do Conselho da Cidade e do Movimento Ocupe Estelita.

A colocação do Plano Urbanístico em pauta foi um ato de improbidade administrativa de Vicente André Gomes, presidente da Câmara. O correto seria o Plano voltar para o Conselho da Cidade, como a recomendação do MPPE. O que aconteceu hoje foi um golpe contra a Constituição.

“Vicente André Gomes, presidente da Câmara dos Vereadores do Recife, que determinou o fechamento das portas da Câmara e do Parque Treze de Maio, que incluiu o projeto de lei que vai viabilizar a construção do projeto Novo Recife, fora da ordem do dia, contrariando o pedido de vários vereadores, que vetou a questão de ordem de uma vereadora, que ignorou o ofício do Ministério Público, que não colocou em votação os destaques à matéria, deixa a Câmara, sob os gritos de “BANDIDO”, rindo ironicamente dos presentes que conseguiram entrar na Casa que outrora se chamou de Casa do Povo do Recife.” (Liana Cirne Lins) 

A votação: 

A Câmara de Vereadores do Recife aprovou por unanimidade, nesta segunda-feira (04), em primeira e segunda votações, o Projeto de Lei n°08/2015,  seis Vereadores se retiraram da votação, entre eles Marília Arraes, Isabella Roldão e André Régis. Segundo os assessores, a retirada do plenário foi uma estratégia da bancada de oposição em sinal de protesto e que pretendem reabrir o processo de votação por falta de quórum.

Ocupação: 

Durante a votação integrantes do Movimento Ocupe Estelita estiveram protestando e tentaram impedir a aprovação do projeto de Lei. A Câmara foi ocupada e os manifestantes estão enfrentando a repressão policial do Batalhão de Choque e da Polícia. Até o momento um integrante foi preso, agressões físicas e intimidações estão acontecendo. Advogados foram impedidos de entrar na Câmara. A desocupação  com extrema repressão do Batalhão de Choque, que está em grande número, pode ocorrer a qualquer momento.

estelita-projeto-580x435

Policial retira fotos e filma manifestantes
Segurança registra imagens de manifestantes

Negociação: 

Em primeira negociação pela desocupação, a Comissão pede anulação da votação, devido às irregularidades; retirada das acusações contra o manifestante detido; e acatamento das recomendações do Ministério Público pela Câmara e pelo Prefeito Geraldo Júlio, que não devem sancionar o projeto de lei.

 #ResisteEstelita

 

Notícias relacionadas:

#OcupeEstelita: Petição online quer tombamento do Pátio Ferroviário das Cinco Pontas

 IPHAN reconhece Pátio Ferroviário das Cinco Pontas como Memória Ferroviária Brasileira

Acompanhe as redes sociais do Blog Voz em Rede: Facebook | Twitter | G+



No artigo

x