70% dos deputados da lista da Lava Jato apoiaram emenda do financiamento empresarial de campanha

Dos 23 deputados federais presentes na relação, 16 apoiaram a emenda que constitucionaliza as doações de pessoas jurídicas a partidos políticos, votada ontem (27) na Câmara dos Deputados

734 0

Dos 23 deputados federais presentes na relação, 16 apoiaram a emenda que constitucionaliza as doações de pessoas jurídicas a partidos políticos, votada ontem (27) na Câmara dos Deputados

Por Redação*

Dos 23 deputados federais presentes na lista de investigados da operação Lava Jato, pelo menos 16 apoiaram a emenda que constitucionaliza o financiamento privado de campanhas com doações de pessoas jurídicas aos partidos políticos, votada ontem (27) na Câmara dos Deputados.

Entre os nomes que constam na relação, entregue pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao STF em março, três não participaram da votação – Eduardo da Fonte (PP-PE), Roberto Britto (PP-BA) e Simão Sessim (PP-RJ). Dos outros vinte presentes no plenário, 16 (80%) apoiaram o financiamento empresarial. Entre eles está o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que, apesar de não ter votado diretamente a proposta por conta de seu cargo, já havia se manifestado publicamente a favor dela. O peemedebista foi também o principal articulador da “repescagem” que a colocou novamente em votação, mesmo com uma matéria semelhante tendo sido rejeitada na noite de terça (26).

Leia também – Saiba quais deputados mudaram seus votos sobre o financiamento empresarial de campanhas

Com isso, pode-se dizer que no mínimo 65% dos deputados federais investigados por envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras votaram pela aprovação das contribuições de empresas a partidos políticos, e que, contando com Cunha, aproximadamente 70% a apoiaram. Segundo especialistas, a destinação de recursos de pessoas jurídicas a campanhas eleitorais guarda íntima relação com a corrupção, além de potencializar a influência do poder econômico sobre o processo democrático (para ler mais, clique aqui).

Como votaram os deputados presentes da lista da Lava Jato em relação ao financiamento empresarial de campanhas

DEPUTADO                   PARTIDO/UF                VOTO 

Afonso Hamm                         PP-RS                        Não
Aguinaldo Ribeiro                   PP -PB                       Sim
Aníbal Gomes                          PMDB-CE                  Sim
Arthur Lira                               PP-AL                         Sim
Dilceu Sperafico                      PP-PR                         Sim
Eduardo Cunha                       PMDB-RJ                   ***
Jerônimo Goergen                  PP-RS                         Sim
José Mentor                             PT-SP                          Não
José Otávio Germano            PP-RS                         Não
Lázaro Botelho                        PP-TO                         Sim
Luis Carlos Heinze                 PP-RS                          Sim
Luiz Fernando Faria              PP-MG                        Sim
Mário Negromonte Jr.           PP-BA                         Sim
Missionário José Olimpio     PP-SP                          Sim
Nelson Meurer                        PP-SP                          Sim
Renato Molling                       PP-RS                          Sim
Roberto Balestra                    PP-GO                         Sim
Sandes Júnior                         PP-GO                         Sim
Vander Loubet                        PT-MS                         Não
Waldir Maranhão                   PP-MA                        Sim

***Eduardo Cunha não votou por ser presidente da Câmara, mas já se declarou favorável

(Confira aqui a votação completa)

*Pauta sugerida à Fórum no Twitter por @mfwork

(Foto: Laycer Tomaz/Câmara dos Deputados)



No artigo

x