Ações na Justiça podem cassar mandato de Beto Richa no Paraná

Em meio a novas denúncias de desvio de recursos da Receita Federal e agora também nas obras da Secretaria da Educação, o Ministério Público ajuizou uma ação de improbidade administrativa por causa dos atos comandados pelo governador tucano no dia 29 de abril, que...

629 0

Em meio a novas denúncias de desvio de recursos da Receita Federal e agora também nas obras da Secretaria da Educação, o Ministério Público ajuizou uma ação de improbidade administrativa pelos atos comandados pelo governador tucano no dia 29 de abril, que ficou marcado como o dia do “massacre aos professores”

Por Portal Vermelho

Em meio a novas denúncias de desvio de recursos da Receita Federal e agora também nas obras da Secretaria da Educação, o Ministério Público ajuizou uma ação de improbidade administrativa contra o governador do Paraná, Beto Richa, nesta terça-feira (30).

Desta vez há chances concretas de cassação do mandato do governador que já conta com outras duas ações na Justiça solicitando o impedimento da continuação do mandato de Richa.

A acusação de improbidade administrativa se deve aos atos comandados pelo governador no dia 29 de abril, que ficou marcado como o dia do “massacre aos professores”. Nesta data, os docentes foram brutalmente reprimidos durante uma manifestação pacífica que deixou 213 pessoas feridas.

O motivo fundamental do protesto dos professores, além da luta pelo fortalecimento da educação e pela valorização dos servidores, foi o confisco do dinheiro das aposentadorias da ParanáPrevidência, aprovado à força na Assembleia Legislativa.

Diante desta situação, a CTB-PR, junto com as outras centrais, movimentos populares, partidos e diversas entidades representativas da sociedade, vão constituir um movimento, para exigir a rápida apuração destas denúncias, inclusive a revogação dos atos ilícitos praticados que levaram ao confisco da previdência dos servidores e ampliar a luta pela condenação do governador, responsável maior por todos estes desmandos.

Foto de capa: PSDB



No artigo

x