Cunha diz que não existe vingança contra governo, mas nas redes garante que lutará contra PT

No Twitter, peemedebista afirmou que não há “pauta de vingança” contra a gestão de Dilma Rousseff, mas sua fanpage no Facebook escreveu que daqui para frente Câmara será “independente, forte e opositora do governo...

507 0

No Twitter, peemedebista afirmou que não há “pauta de vingança” contra a gestão de Dilma Rousseff, mas sua fanpage no Facebook escreveu que daqui para frente Câmara será “independente, forte e opositora do governo do PT” 

Por Redação

Em pronunciamento à imprensa na última sexta-feira (17), Eduardo Cunha (PMDB-RJ) anunciou seu rompimento com o governo de Dilma Rousseff. “Eu, formalmente, estou rompido com o governo. Politicamente, estou rompido”, disse. À ocasião, fez questão de marcar que sua posição é “pessoal” – atitude repetida mais tarde por sua legenda, que pouco tempo após a coletiva de Cunha soltou uma nota sobre o assunto, dizendo que “qualquer decisão partidária só pode ser tomada após consulta às instâncias decisórias do partido”.

Depois da repercussão estrondosa de seu anúncio, o presidente da Câmara dos Deputados suavizou o tom em seu perfil no Twitter. “O meu gesto não significará que estou buscando ganhar número para enfrentar e derrotar governo”, escreveu, no sábado (18). “Não existe pauta de vingança e nem pauta provocada pela minha opção pessoal de mudança de alinhamento político.”

Embora, com as recentes mensagens, o deputado tenha tentado mascarar seu ímpeto de ação contra o Palácio do Planalto, a equipe que cuida de suas redes sociais parece não ter tomado o mesmo cuidado. Ainda na sexta-feira, respostas a comentários na página oficial de Cunha no Facebook indicavam que o peemedebista havia sim declarado guerra contra a gestão petista. “Ficamos feliz com a fé que o povo está tendo no deputado, vamos lutar contra o PT e a favor da democracia. Abraços!#equipecunha“, dizia uma delas. “Nós e o deputado não vamos nos intimidar com essas ações covardes que tem sido dirigidas a ele. Vamos em frente lutar pelo povo brasileiro e pela democracia, chega de sujeira”, informava outra.

Captura de Tela 2015-07-19 às 14.47.18
(Reprodução/Facebook)
Captura de Tela 2015-07-19 às 14.30.53
(Reprodução/Facebook)
Captura de Tela 2015-07-19 às 14.30.59
(Reprodução/Facebook)

Em outro post, a fanpge respondeu usuários que perguntavam sobre o impeachment de Dilma e assegurou que colocará a proposta em votação.

(Reprodução/Facebook)
(Reprodução/Facebook)

(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)



No artigo

x