Dilma: “O Brasil não aceita viver com intolerância e preconceito”

Pelo Twitter, a presidenta lembrou do aniversário de cinco anos da criação do Estatuto da Igualdade Racial e pediu para que as pessoas denunciem atos de discriminação.

642 0

Pelo Twitter, a presidenta lembrou do aniversário de cinco anos da criação do Estatuto da Igualdade Racial e pediu para que as pessoas denunciem atos de discriminação 

Por Redação

Por meio de seu perfil no Twitter, a presidenta Dilma Rousseff lembrou, nesta segunda-feira (20), dos cinco anos de criação do Estatuto da Igualdade Racial e ressaltou a importância da lei para o combate ao racismo.

“A Lei é uma conquista para o movimento negro e para todos os brasileiros e brasileiras”, tuitou, enfatizando que o Estatuto é fruto, justamente, da luta dos movimentos sociais em cogestão com o governo federal. 

O Brasil é uma terra generosa e não aceita conviver com a intolerância e o preconceito. Não aceite o preconceito. Denuncie!”, completou em outro post. 

A lei, sancionada em 2010, propõe itens que equiparam os direitos dos negros em áreas como saúde, educação, liberdade religiosa e trabalho.

Foto: Divulgação 

 

 



No artigo

x