Datena pode ser candidato à prefeitura de São Paulo por PSDB ou PSB

Jornalista foi recebido duas vezes no Palácio dos Bandeirantes e em uma delas conversou com Geraldo Alckmin, de acordo com jornal. "Não sou vagabundo e não roubo, ao contrário do que existe por aí"

893 0

Jornalista foi recebido duas vezes no Palácio dos Bandeirantes e em uma delas conversou com Geraldo Alckmin, de acordo com jornal. “Não sou vagabundo e não roubo, ao contrário do que existe por aí”

Por Redação

O jornalista José Luiz Datena pode concorrer à Prefeitura de São Paulo nas eleições de 2016. A informação, publicada pela coluna de Flávio Ricco no portal UOL, foi confirmada pelo próprio apresentador, que disse estar “propenso a aceitar” o convite.

“Realmente fui sondado e passei a analisar se vale a pena ou não. Quem sabe não posso ajudar. Estou estudando esse assunto e, de fato, existem dois partidos, que prefiro por enquanto não revelar quais são, insistindo muito comigo. Está tudo tão ruim, que estou propenso a aceitar. Eu sou honesto. Não sou vagabundo e não roubo, ao contrário do que existe por aí. E mesmo que eu decida sair, só vou me filiar no tempo certo. Dois ou três dias antes de esgotar o prazo”, afirmou o jornalista, que comanda o programa Brasil Urgente na TV Bandeirantes.

De acordo com matéria do jornal Valor Econômico, os dois partidos que mantêm negociações com Datena são PSDB e PSB. Dirigente de ambas as legendas confirmaram as conversações com o apresentador, que já esteve duas vezes no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo do estado, tendo se encontrado com secretários de Geraldo Alckmin e com o próprio tucano na segunda ocasião. Uma possível ida para o PSB barraria as pretensões da senadora Marta Suplicy, ainda sem partido, de ser candidata pela legenda.

O responsável pela articulação em torno do nome de Datena é o deputado estadual Delegado Olim (PP), que não descarta ainda a filiação do jornalista ao seu partido. Crítico ferrenho do atual prefeito, Fernando Haddad (PT), Datena tem a real chance de confrontá-lo caso consolide sua candidatura. Outro concorrente seria Celso Russomano (PRB), atual deputado federal ligado à Igreja Universal do Reino de Deus e apresentador da TV Record.

(Foto: Divulgação)

 

 



No artigo

x