De novo: Veja mente sobre Lula e é desmascarada

Na capa da edição deste fim de semana, a publicação inventou uma delação premiada em que Léo Pinheiro, executivo da OAS, teria revelado "segredos devastadores" contra o ex-presidente; antes mesmo da revista chegar às bancas, no entanto, foi desmentida pelo próprio 'delator': "A reportagem...

2524 0

Na capa da edição deste fim de semana, a publicação inventou uma delação premiada em que Léo Pinheiro, executivo da OAS, teria revelado “segredos devastadores” contra o ex-presidente; antes mesmo da revista chegar às bancas, no entanto, foi desmentida pelo próprio ‘delator’: “A reportagem não corresponde a verdade. Não há nenhuma conversa com o MPF sobre delação premiada, tampouco intenção nesse sentido”

Por Redação 

A capa da edição deste sábado (25) da revista Veja tenta, mais uma vez por meio de uma mentira, incriminar o ex-presidente Lula. Esperando uma repercussão bombástica – “BOMBA DA VEJA!”, anunciava a publicação em suas redes sociais – a revista, no entanto, foi desmascarada antes mesmo de chegar às bancas.

Na reportagem de capa, assinada pelo repórter Robson Bonin, Veja inventou uma suposta delação premiada de José Adelmário Pinheiro, o Léo Pinheiro, executivo da OAS, que foi preso na Lava Jato. De acordo com a matéria, Pinheiro teria revelado “segredos devastadores” contra o ex-presidente, como que ele teria tido despesas pessoais pagas por empreiteiras, que sabia do esquema de corrupção na Petrobras, etc. 

Ainda na sexta-feira (24), no entanto, a empresa desmentiu a publicação por meio de nota.

“Sobre a reportagem da Veja deste final de semana, José Adelmário Pinheiro e seus defensores têm a dizer, respeitosamente, que ela não corresponde à verdade. Não há nenhuma conversa com o MPF sobre delação premiada, tampouco intenção nesse sentido”, escreveram. 

 



No artigo

x