Pesquisa Datafolha aponta aumento da reprovação ao governo Dilma

Segundo levantamento, 71% dos entrevistados consideram a gestão da petista ruim ou péssima; 20%, regular; e 8%, boa ou ótima

569 0

Segundo levantamento, 71% dos entrevistados consideram a gestão da petista ruim ou péssima; 20%, regular; e 8%, boa ou ótima

Por Redação

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (6) revela que a reprovação ao governo de Dilma Rousseff (PT) subiu de 65%, conforme levantamento feito na terceira semana de junho, para 71%, superando a pior taxa registrada por Fernando Collor à época em que era presidente da República.

Se em junho 10% dos entrevistados consideravam a gestão da petista ótima ou boa, agora são 8%, e 20% a avaliam como regular. Sobre a possibilidade de impeachment, os índices também pioraram, perto do limite da margem de erro, para Dilma: 66% disseram que o Congresso Nacional deveria abrir um processo formal de afastamento contra ela. Em abril, quando a mesma pergunta foi realizada, a taxa era de 63%.

A quantidade de pessoas que acham que a presidenta, eleita há menos de um ano, será retirada do cargo também cresceu. Em abril, 29% acreditavam nessa possibilidade, e agora o número se elevou para 38%.

Ainda segundo o Datafolha, a desaprovação a Dilma é homogênea em todas as partes do país, mas as maiores taxas de reprovação foram atingidas em regiões onde o PT é normalmente mais rejeitado, como o Centro-Oeste (77%), Sudeste e Sul (73%).

O instituto entrevistou, nas última terça e quarta-feira (4 e 5), 3.358 pessoas com 16 anos ou mais em 201 municípios nas cinco regiões do país.A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança do levantamento é de 95%.

(Foto: José Cruz/Agência Brasil)

 



No artigo

x