PSOL acusa Cunha de censurar homenagem ao partido na TV Câmara

Na manhã desta terça-feira (15) foi realizada uma sessão solene para comemorar os dez anos de fundação da legenda, mas transmissão do evento na emissora da Casa foi vetada. "Nunca vi sessão solene de partido não ser exibida. É claro que isso foi dirigido...

480 0

Na manhã desta terça-feira (15) foi realizada uma sessão solene para comemorar os dez anos de fundação da legenda, mas transmissão do evento na emissora da Casa foi vetada. “Nunca vi sessão solene de partido não ser exibida. É claro que isso foi dirigido e é censura”, afirmou o deputado federal Chico Alencar

Por Redação

Parlamentares do PSOL estão acusando o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), de censurar a homenagem à legenda que seria transmitida na TV Câmara. A sessão solene feita para comemorar os dez anos de fundação do partido foi realizada na manhã desta terça-feira (15), mas o evento  não foi exibido no canal de TV do Congresso – algo que é habitual para eventos do tipo envolvendo outros partidos.Até mesmo na internet a transmissão do evento foi vetada.

“Nunca vi sessão solene de partido não ser exibida. É claro que isso foi dirigido e é censura”, afirmou o deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ). “Entendemos isso como uma censura, um impedimento. Você não pode falar para fora”, completou o correligionário e também deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP).

De acordo com a assessoria de imprensa do presidência da Câmara, a TV Câmara estaria passando por reformulações e, por isso, não seriam mais exibidos programas partidários como sessões solenes.

“De quem veio a ordem? A justificativa é de que sessões comemorativas de partidos não serão mais transmitidas. Desde quando? Desde agora – o PSOL, ‘coincidentemente’, está inaugurando a nova regra”, afirmou Chico Alencar em sua página do Facebook, garantindo ainda que cobrará da mesa diretora uma explicação pela mudança.

Em maio, por exemplo, o PTB realizou, com a participação de Cunha, uma sessão solene para comemorar o aniversário do partido e o evento foi transmitido ao vivo pela TV Câmara.

Leia também:

Chico Alencar sobre Cunha: “Nada justifica o silêncio”



No artigo

x