Na Globo, Emicida desabafa sobre racismo: “Táxi não para, mas viatura para”

Na última edição do programa Altas Horas, o rapper foi aplaudido de pé ao criticar a hipocrisia existente no país em não reconhecer a discriminação pela qual negros e negras passam diariamente: “Essa ideia...

1755 0

Na última edição do programa Altas Horas, o rapper foi aplaudido de pé ao criticar a hipocrisia existente no país em não reconhecer a discriminação pela qual negros e negras passam diariamente: “Essa ideia de democracia racial, que o Brasil é o paraíso das três raças, isso não é verdade”. Assista ao vídeo

Por Redação

Na última edição do programa Altas Horas, da TV Globo, exibida no sábado (19), o rapper Emicida interrompeu o ator Marcos Caruso, que exaltava a miscigenação no Brasil. “O Brasil aplaude a miscigenação quando clareia; quando escurece, condena. Esse é um grande problema, principalmente do negro do exterior que vem para o Brasil, isso fica mais gritante. Essa ideia de democracia racial, que o Brasil é o paraíso das três raças, isso não é verdade”, destacou.

Emicida afirmou que é preciso reconhecer o racismo existente no país. “A gente tem essa cultura da opressão gritar e o oprimido ficar calado, se sentindo errado. Então, se a garota for estuprada, a culpada será ela; se a pessoa for discriminada e colocada para fora do banco, vão dizer ‘ah, não foi assim’, ‘você estava de boné’, ‘é porque você estava de moletom, de mochila’. Não. Você sabe que o táxi não para pra você e a viatura [policial] para. Esse é o problema urgente do Brasil”, completou o rapper, sendo ovacionado pelo público.

Confira o vídeo.

Importante discurso do Emicida no programa Altas Horas 20/09Emicida se vendendo ao vivo no Altas Horas

Posted by Batalhas de Mc’s on Sábado, 19 de setembro de 2015



No artigo

x