Kelly Bolsonaro tenta confusão em ato de mulheres com Dilma, mas é expulsa

A jovem é a mesma que invadiu jogo de futebol para protestar contra o governo e foi criticada por postar frases racistas nas redes sociais.

24037 0

A jovem é a mesma que invadiu jogo de futebol para protestar contra o governo e foi criticada por postar frases racistas nas redes sociais; assista ao vídeo com a reação da plateia no ato de hoje

Por Redação

A jovem Kelly Cristina, mais conhecida como Kelly Bolsonaro, foi expulsa do Palácio do Planalto nesta quinta-feira (7) após tentar tumultuar a realização do Encontro com Mulheres em Defesa da Democracia, entre representantes de movimentos sociais e a presidenta Dilma Rousseff.

Kelly, que vestia uma camiseta com os dizeres “Impeachment é democracia”, já havia sido notícia ao invadir o campo durante um jogo de futebol no estádio Mané Garrincha em fevereiro, com uma placa que trazia a frase “Fora Dilma”.

Ela também foi bastante criticada ao postar mensagens contra os negros nas redes sociais. “Em vez de cotas, deveriam dar passagens de volta pra África para aqueles que choram pelo passado que nem viveram”, escreveu.

Assista ao vídeo com a reação da plateia no ato de hoje.

Kelly Bolsonaro invade o evento das mulheres pela democracia pra mostrar seu desrespeito com o contraditório. A resposta? MACHISTAS, FASCISTAS, NÃO PASSARÃO. Lembrando que a “ativista” é aquela de declarou: “Em vez de cotas, deveriam dar passagens de volta pra África pra aqueles que choram pelo passado que nem viveram”. #MulheresPelaDemocracia

Publicado por Muda Mais em Quinta, 7 de abril de 2016



No artigo

x