“Tenho orgulho em ser atacado pela Veja. É uma piada”, diz jornalista norte-americano

Glenn Greenwald, premiado jornalista que cobriu os vazamentos de Snowden e que está acompanhando a crise política no Brasil, ironizou a revista da editora Abril, que o acusou de ter “embarcado no discurso governista”; na CNN,...

14498 0

Glenn Greenwald, premiado jornalista que cobriu os vazamentos de Snowden e que está acompanhando a crise política no Brasil, ironizou a revista da editora Abril, que o acusou de ter “embarcado no discurso governista”; na CNN, Greenwald diz que é “pertubador” ver o brasileiro “brincando” com a democracia. Assista

Por Redação

Pelo Twitter, o aclamado jornalista norte-americano Glenn Greenwald, do site The Intercept, ironizou a revista Veja depois que a publicação da editora Abril o acusou de ter “embarcado no discurso governista”.

“Tenho orgulho de ser atacado pela Veja assim. É uma piada, a Fox News do Brasil – porém, menos confiável”, escreveu o jornalista pelo na manhã desta quarta-feira (20).

Morando no Rio de Janeiro há dez anos e casado com um brasileiro, Greenwald ganhou os mais importantes prêmios de reportagem do mundo por ser um dos principais responsáveis pela apuração e pelas matérias surgidas a partir das revelações feitas pelo ex-agente da NSA, Edward Snowden.

Em entrevistas e matérias que tem feito, Greenwald demonstrou concordar que o que se passa no Brasil é um golpe e afirmou esta semana, na CNN, que é “pertubador” ver o brasileiro “brincando com a democracia” em um intervalo tão curto de tempo com o golpe de 1964.

Assista.

 



No artigo

x