Suspeitos de participar de estupro coletivo são presos no Rio de Janeiro

Raí de Souza, um dos seis procurados pela Policia Civil do Rio de Janeiro, se entregou na Delegacia da Criança e Adolescente Vitima (DCAV) e foi preso. Lucas Perdomo, jogador de futebol e, até o crime,...

903 0

Raí de Souza, um dos seis procurados pela Policia Civil do Rio de Janeiro, se entregou na Delegacia da Criança e Adolescente Vitima (DCAV) e foi preso. Lucas Perdomo, jogador de futebol e, até o crime, namorado da vitima, foi preso no centro da cidade

Por Redação

Em entrevista coletiva, a advogada Cristiana Bento confirmou a prisão de Raí de Souza, de 22 anos, que se apresentou na Delegacia da Criança e Adolescente Vitima (DCAV). No fim da tarde, Lucas Perdomo Duarte Santos, de 20 anos, jogador de futebol e namorado da vitima, foi preso no centro do Rio de Janeiro. Os suspeitos foram encaminhados para a Cidade da Policia, na zona norte e outros envolvidos estão sendo procurados.

O advogado de Lucas Santos afirma que o cliente não teve relações sexuais com a vítima naquela noite e que estava acompanhado de outra pessoa. De acordo com Lucas, a adolescente não quis ir embora com eles e permaneceu na casa. O jogador reiterou que Raí de Souza teve relações com ela, que tem 16 anos.

Durante a coletiva, a advogada ressaltou que a vitima foi, de fato, estuprada, e conclui afirmando que resta agora evidenciar a extensão do crime. Entre os procurados estão Marcelo Miranda da Cruz Correa, Raphael Assis Duarte Belo, Michel Brasil da Silva e Sérgio Luiz da Silva Júnior, conhecido como Da Russa (suspeito de chefiar o tráfico no Morro do Barão, onde o crime aconteceu).

A advogada Cristiana Bento assumiu as investigações do caso de estupro coletivo após a vitima denunciar o delegado Alessandro Thiers por machismo e misoginia. Com o pedido de prisão temporária dos seis suspeitos (quatro ainda foragidos), o advogado de Raí de Souza, após sua apresentação no DCAV, disse estar convencido da veracidade do depoimento de seu cliente e afirmou que estudará o pedido de prisão e prosseguirá com as medidas cabíveis à defesa de Souza.

Foto de capa: Tomaz Silva/Agência Brasil



No artigo

x