Janot recomenda extinção de pena de José Dirceu no mensalão

A manifestação do Procurador-Geral da República é uma resposta a um pedido de indulto natalino feito pela defesa do ex-ministro chefe da Casa Civil. Dirceu havia sido condenado a 7 anos e 11 meses de...

2349 0

A manifestação do Procurador-Geral da República é uma resposta a um pedido de indulto natalino feito pela defesa do ex-ministro chefe da Casa Civil. Dirceu havia sido condenado a 7 anos e 11 meses de prisão por envolvimento nos escândalos de compras de votos durante o primeiro governo Lula

Por Redação

O Procurador-Geral da República Rodrigo Janot enviou, esta semana, um parecer ao Supremo Tribunal Federal (STF) no qual recomenda a concessão do perdão da pena imposta ao ex-ministro chefe da Casa Civil José Dirceu na Ação Penal 470, conhecida como mensalão.

A manifestação de Janot é uma resposta a um pedido de indulto natalino feito pela defesa do ex-parlamentar. Dirceu havia sido condenado a 7 anos e 11 meses de prisão por envolvimento nos escândalos de compras de votos durante o primeiro governo Lula.

No entanto, Dirceu vai continuar preso em Curitiba por conta das investigações da Operação Lava Jato. O ex-ministro já foi condenado a 20 anos e 10 meses de prisão pelo juiz federal Sérgio Moro acusado de ter recebido propina de fornecedores da Petrobras.

Foto: JPT



No artigo

x