Jânio de Freitas: Lava Jato teria indício de que sítio de Atibaia não seria mesmo de Lula

De acordo com o colunista, até agora não foi noticiado o fato de que investigadores da Lava Jato teriam encontrado mensagens de Léo Pinheiro para Fernando Bittar, tratando sobre reformas no sítio, em que...

1948 0

De acordo com o colunista, até agora não foi noticiado o fato de que investigadores da Lava Jato teriam encontrado mensagens de Léo Pinheiro para Fernando Bittar, tratando sobre reformas no sítio, em que Bittar é tratado como dono da propriedade em associação Jonas Suassuna Filho. “Não foi um bom achado para a tese da Lava Jato”

Por Redação

Na coluna desta quinta-feira (30) de Jânio de Freitas na Folha de S. Paulo, o jornalista chama a atenção, no último tópico do texto, para o “não noticiado”.

De acordo com Jânio, investigadores da Lava Jato teriam descoberto, recentemente, uma troca de mensagens entre o presidente da OAS, Léo Pinheiro, com Fernando Bittar sobre obras no sítio em Atibaia que é associado a Lula. Nas mensagens, Bittar estaria sendo tratado como o dono da propriedade em associação com Jonas Suassuna Filho.

“Não foi um bom achado para a tese da Lava Jato e da imprensa/TV sobre a propriedade”, ironizou o jornalista.

Foto: Reprodução

 

 



No artigo

x