Alexandre Frota processa ex-ministra do governo Dilma

Ator move uma ação pedindo R$ 35 mil de danos morais à ex-ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres, Eleonora Menicucci. Em maio, ela afirmou que Frota “não só já assumiu ter estuprado, mas também faz apologia ao estupro”.

3556 0

Ator move uma ação pedindo R$ 35 mil de danos morais à ex-ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres, Eleonora Menicucci. Em maio, ela afirmou que Frota “não só já assumiu ter estuprado, mas também faz apologia ao estupro” 

Por Redação

O ator Alexandre Frota está processando a ex-ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres, Eleonora Menicucci. A ação pede R$ 35 mil de danos morais para “alentá-lo” do “sofrimento atroz” gerado por críticas feitas por ela. As informações são da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

Em maio, Eleonora criticou o atual ministro da Educação, Mendonça Filho, por receber Frota para uma reunião, já que o ator “não só já assumiu ter estuprado, mas também faz apologia ao estupro”.

A ex-ministra do governo Dilma Rousseff se referia à participação no programa “Agora é Tarde”, da rede Bandeirantes, em que ele relatou a Rafinha Bastos ter feito sexo sem consentimento com uma mãe de santo. Frota alegou que a história não passava de uma “anedota em tom jocoso”.

Eleonora já afirmou que “vai à luta, como sempre”, em sua defesa no Tribunal. Além dela, o integrante do grupo Revoltados On Line ainda processou a Folha de S.Paulo e um dos colunistas do jornal por criticá-lo no mesmo episódio da visita ao ministério da Educação.

Leia também: Em rede nacional, Frota confessa estupro e povo aplaude

Foto de capa: Divulgação



No artigo

x