Lutador da Nova Zelândia sofre sequestro relâmpago de homens fardados no Rio

Segundo relato do atleta, ele foi levado por policiais para sacar dinheiro em um caixa eletrônico sob ameaça de prisão caso não efetuasse o pagamento.

706 0

Segundo relato do atleta, ele foi levado por policiais para sacar dinheiro em um caixa eletrônico sob ameaça de prisão caso não efetuasse o pagamento

Por Redação

Jayson Lee está no Brasil há cerca de um ano aprimorando sua técnica com o Jiu-Jitsu nacional. No último sábado (23), enquanto voltava de uma competição no Rio de Janeiro, o lutador da Nova Zelândia foi abordado por homens fardados que o obrigaram a entrar em um carro. De acordo com o relato do atleta no Facebook, eles o levaram para sacar dinheiro em um caixa eletrônico, uma espécie de suborno para que não fosse preso.

Em seu depoimento na rede social, Jayson fez críticas à violência no país: “Eu não sei o que é mais deprimente, o fato de que esse tipo de coisa está acontecendo com estrangeiros tão perto dos jogos olímpicos ou o fato de brasileiros precisarem viver em uma sociedade que permite essa absoluta besteira diariamente”.

Ele afirmou que foi sequestrado “não por quaisquer pessoas com armas, mas por policiais fardados em serviço”. As polícias Civil e Militar ainda não emitiram nota se posicionando sobre a denúncia. Jayson não competirá nas Olimpíadas, pois o Jiu-Jitsu não é uma das modalidades participantes.

Foto: Reprodução/Facebook

 



No artigo

x