Fernando Morais vai devolver prêmio que recebeu de Cristovam Buarque: “De golpista não quero nada”

O jornalista e escritor recebeu nos anos 90, das mãos de Cristovam Buarque, na época governador de Brasília, o prêmio Manuel Bomfim pela obra Chatô – O Rei do Brasil. Hoje senador, Buarque votou...

4603 0

O jornalista e escritor recebeu nos anos 90, das mãos de Cristovam Buarque, na época governador de Brasília, o prêmio Manuel Bomfim pela obra Chatô – O Rei do Brasil. Hoje senador, Buarque votou pelo impeachment da presidenta Dilma Rousseff, vem tecendo elogios ao presidente interino e chegou a afirmar que “denunciar o golpe no exterior é crime”

Por Redação

O jornalista e escritor Fernando Morais, que vem sistematicamente denunciando o golpe em curso no país com o afastamento da presidenta Dilma Rousseff, resolveu devolver um prêmio que recebeu do senador Cristovam Buarque (PPS-DF), considerado por ele um ‘golpista’.

De 1995 a 1998, Buarque foi governador de Brasília e, nessa época, entregou o prêmio “Manuel Bomfim” pela obra “Chatô – O Rei do Brasil” a Fernando Morais.

“Anos atrás recebi do então governador de brasília cristovam buarque o “premio manuel bonfim”, atribuído ao meu livro “chatô, o rei do brasil”. já pedi à marília para localizar a placa de prata. vou devolver. de golpista não quero nada. nem prêmio”, escreveu o jornalista em seu Facebook.

Cristovam votou à favor do impeachment de Dilma Rousseff no senado e vem, atualmente, tecendo elogios ao presidente interino Michel Temer. Recentemente o parlamentar, que foi ministro no governo Lula, chegou a afirmar que “denunciar golpe no exterior é crime”.

 



No artigo

x