Jovens são detidos e humilhados por policiais quando jogavam “Pokemon GO”

“Dois veadinhos catando Pokémon de madrugada", disse um dos policiais. Familiares fizeram denúncia de abuso de poder depois de assistirem a um vídeo dos jovens sendo reprimidos pelos agentes.

2569 0

“Dois veadinhos catando Pokémon de madrugada”, disse um dos policiais. Familiares fizeram denúncia de abuso de poder depois de assistirem a um vídeo dos jovens sendo reprimidos pelos agentes

Por Redação

Dois amigos foram detidos por policiais civis na madrugada de terça-feira (9), em Cuiabá (MT) , quando jogavam ‘Pokémon Go’ no celular. Um vídeo postado nas redes sociais mostra o momento da ação.

A família de um dos jovens, de 19 anos, procurou a polícia para denunciar abuso de poder por parte dos agentes. Os colegas brincavam com o jogo na frente de uma delegacia no bairro Jardim das Américas quando foram abordados.

No vídeo, ambos aparecem deitados no chão, em silêncio, enquanto são revistados por um dos policiais. O outro agente, que está filmando a cena, humilha e agride verbalmente os jovens. “Dois veadinhos catando Pokémon de madrugada”, disse.

A socióloga Imar Domingues Queiroz, mãe de um dos detidos, afirmou, em entrevista ao portal G1, que os policiais tiveram atitudes homofóbicas. “Meu filho não é gay, mas, ainda que fosse, teria o direito de ser respeitado e ter seus direitos garantidos”, destacou.

“Eles não estavam cometendo nenhum crime e os policiais agiram com abuso de poder e de autoridade. A abordagem dos policiais agrediu o direito de ir e vir do cidadão”, argumentou. A Corregedoria recebeu uma cópia da gravação e deve abrir inquérito para apurar as acusações.



No artigo

x