Erundina faz protesto em frente à Band por ser barrada em debate

Os também candidatos à prefeitura de São Paulo João Dória, Marta Suplicy e Major Olímpio se colocaram contra a participação de Erundina no debate; Fernando Haddad e Celso Russomano autorizaram.

2256 0

Os também candidatos à prefeitura de São Paulo João Dória, Marta Suplicy e Major Olímpio se colocaram contra a participação de Luiza Erundina no debate; Fernando Haddad e Celso Russomano autorizaram

Por Redação

A candidata à prefeitura de São Paulo Luiza Erundina (Psol) participou ontem (22) à noite de uma manifestação em frente à sede da TV Bandeirantes na capital paulista. O ato foi realizado como um protesto por ter sido vetada no debate realizado pela emissora. De acordo com a legislação eleitoral, apenas candidatos de partidos com mais de nove deputados federais podem participar.

Apesar de o Psol ter cinco deputados, ela poderia ir se todos concordassem. Porém, João Dória (PSDB), Marta Suplicy (PMDB) e Major Olímpio (SD) se colocaram contra. O prefeito Fernando Haddad (PT) e Celso Russomano (PRB) aceitaram. Na sexta-feira (19), Erundina também teve um pedido para participar do debate negado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Para a candidata, a decisão é antidemocrática.“Tirar a voz de uma ex-prefeita que está em terceiro lugar nas pesquisas é a demonstração de que Marta, Doria, Olímpio e seus partidos são inimigos da democracia e não merecem governar São Paulo”, afirma publicação na página do Facebook que convocou o público para o protesto, que contou com centenas de pessoas.

erundina2erundina3Fotos: Reprodução/Facebook



No artigo

x