Padilha pede saída de ministro da AGU após discussão sobre a Lava Jato

Fábio Medina Osório teria solicitado acesso aos inquéritos de políticos envolvidos na operação sem comunicar Temer ou sua cúpula. Atitude incomodou o governo, que tem vários membros citados na investigação.

1300 0

Fábio Medina Osório teria solicitado acesso aos inquéritos de políticos envolvidos na operação sem comunicar Temer ou sua cúpula. Atitude incomodou o governo, que tem vários membros citados na investigação

Por Redação

O clima não está bom no governo de Michel Temer. Após uma dura discussão ontem (8), o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, teria pedido a demissão do ministro da Advocacia-Geral da União, Fábio Medina Osório. Um dos principais motivos da briga entre os dois seria a operação Lava Jato.

Segundo foi apurado, Padilha afirmou que Osório não estava agindo de acordo com as orientações do governo quando pediu para ter acesso aos inquéritos de políticos envolvidos na operação sem comunicar o presidente ou sua cúpula.

Entre os citados na Lava Jato, estão vários políticos do PMDB, como o próprio Padilha e o também ministro Geddel Vieira Lima, além de Michel Temer. A atitude de Osório teria deixado sua situação insustentável e a demissão deve ser confirmada pelo Palácio do Planalto nos próximos dias.

Foto de capa: Reprodução/AGU



No artigo

x