Procuradoria denuncia Renan na Lava Jato por corrupção e lavagem de dinheiro

Essa é a primeira denúncia contra o presidente do Senado na operação; ele é acusado de usar intermediários para pedir e receber dinheiro de uma empresa ligada à Petrobras.

712 0

Essa é a primeira denúncia contra o presidente do Senado na operação; ele é acusado de  usar intermediários para pedir e receber dinheiro de uma empresa ligada à Petrobras

Por Redação

Nesta segunda-feira (12), o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a primeira denúncia contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), na Operação Lava Jato.

Ele é acusado de corrução passiva e lavagem de dinheiro, ao supostamente usar intermediários para pedir e receber dinheiro da empresa Serveng Civilsan, que mantinha contratos com a Petrobras. Ao todo, o parlamentar responde a oito inquéritos na Suprema Corte.

Para que vire réu no caso denunciado por Janot, o STF precisa aceitar a acusação e abrir uma ação penal. O próximo passo é notificar o político para apresentação de sua defesa, antes da análise feita pelo tribunal.

O envolvimento de Calheiros e do deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE) com o fato foi delatado pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa em acordo de delação premiada.

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil



No artigo

x