Mulher Maravilha, embaixadora da ONU para o empoderamento feminino, chega aos 75 anos

Mulher Maravilha faz 75 anos. Personagem, criado na segunda grande guerra, sofreu várias alterações ao longo dos anos, mas se manteve como um ícone feminista

1427 0

Personagem, criado na segunda grande guerra, sofreu várias alterações ao longo dos anos, mas se manteve como um ícone feminista

Da redação

A Mulher Maravilha, personagem lançado em 1941 pela empresa americana DC Comics, chega aos 75 anos. Seu criador, o visionário William Moulton Marston, queria que a sua heroína, espécie de contraponto a Batman e Super Homem, antes de usar as armas e a força, usasse a cabeça. Segundo Marston , “A Mulher-Maravilha é a propaganda psicológica para o novo tipo de mulher que, creio eu, deve governar o mundo”.

Surgida entre a primeira e a segunda onda do feminismo, em plena segunda guerra mundial, a Mulher Maravilha sofreu diversas transformações ao longo do tempo. As ideias do seu criador foram muitas vezes reviradas do avesso, mas ela se manteve como ícone feminista ao longo de todos esses anos.

A Mulher Maravilha foi nomeada, em outubro de 2016, a Embaixadora Honorária para o Empoderamento das Mulheres e Meninas pelas Nações Unidas com a missão de dar visibilidade ao 5º Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que busca alcançar a igualdade de gênero e o empoderamento de mulheres e meninas até 2030.

Imagem: DC Comics

Está gostando dessa matéria? Para continuar fazendo jornalismo como esse, a Fórum precisa do seu apoio. Seja sócio!

http://www.revistaforum.com.br/socio/



No artigo

x