Temer aprova no Congresso as “pedaladas” para fazer igual

Temer aprova no Congresso as “pedaladas fiscais” que derrubaram Dilma para fazer igual. Decisões já foram publicadas no Diário Oficial da União

2731 0

Temer aprova no Congresso as “pedaladas fiscais” que derrubaram Dilma para fazer igual. Decisões já foram publicadas no Diário Oficial da União

Da Redação com informações do InfoMoney

Com a mesma modalidade de crédito que levou ao impeachment de Dilma, Temer aprovou nesta terça-feira (20), duas leis que preveem um crédito suplementar de R$ 3,6 bilhões. Desta vez ele teve o apoio do Congresso. Até setembro deste ano, o presidente precisava de uma autorização do legislativo para editar decretos estipulando créditos suplementares.

No dia 2 de setembro, no entanto, a Câmara dos Deputados aprovou uma lei que flexibilizou as regras para a abertura de créditos suplementares. Agora, o presidente não precisa mais da aprovação de ninguém.

Do total, R$ 1,7 bilhão será destinado ao Ministério da Saúde para procedimentos de média e alta complexidades em diversos estados, segundo a Bloomberg.

O R$ 1,9 bilhão restante é para ajuda financeira à exportação de municípios, Estados e do Distrito Federal. As decisões foram publicadas no Diário Oficial da União.

Quer ler mais matérias como essa? Apoie o jornalismo da Fórum e fique ao lado da democracia; seja sócio.

http://www.revistaforum.com.br/socio/



No artigo

x