Manifestante é cortada em entrevista ao vivo após criticar Temer em Portugal

Ao dar entrevista à emissora RTP, em Lisboa, brasileira criticou o “aproveitamento político” do peemedebista, quando foi interrompida pela repórter de forma abrupta; assista ao vídeo.

1396 0

Ao dar entrevista à emissora RTP, em Lisboa, brasileira criticou o “aproveitamento político” do peemedebista, quando foi interrompida pela repórter de forma abrupta; assista ao vídeo

Por Redação

A jornalista Alberta Marques Fernandes, da emissora RTP, fazia uma reportagem no Palácio de Belém, em Lisboa, para acompanhar a chegada de Michel Temer. O peemedebista estava na cidade para participar de cerimônias fúnebres em homenagem ao ex-presidente português Mário Soares. Ela, ao se deparar com uma brasileira no local, questionou o que a mulher achava da vinda do presidente ao país.

Talvez esperando uma resposta em tom elogioso, a repórter se surpreendeu com as críticas da entrevistada, que afirmou que foi ao Palácio para protestar contra o “aproveitamento político” de Temer em um momento solene. Alberta, então, interrompeu a fala no meio. “De qualquer forma, é o seu presidente que está aqui, a valorizar um dos pais da democracia portuguesa”, emendou.

A atitude da jornalista foi bastante comentada nas redes sociais. “Para quê pedir opiniões nas ruas, quando só algumas opiniões são válidas?”, questionou a página Os truques da imprensa portuguesa, no Facebook. Confira o vídeo abaixo.



No artigo

x