Turistas filmam refugiado africano se afogar em Veneza e não oferecem ajuda

“Deixe ele morrer”, “Vá em frente, volte para casa” e outros xingamentos e ofensas foram ditos por turistas que filmaram um refugiado africano se afogando no Grande Canal de Veneza. Homem foi resgatado e...

8219 0

“Deixe ele morrer”, “Vá em frente, volte para casa” e outros xingamentos e ofensas foram ditos por turistas que filmaram um refugiado africano se afogando no Grande Canal de Veneza. Homem foi resgatado e salva-vidas criticou a negligência dos turistas

Por Redação*

Um vídeo divulgado no último domingo (22) mostra um homem se afogando no Grande Canal de Veneza, na Itália, sem que aqueles que faziam a filmagem se preocupassem com o ocorrido. O homem era Pateh Sabally, de 22 anos, nascido na Gâmbia. Ele está refugiado na Itália há dois anos.

De acordo com o jornal O Globo, que divulgou o vídeo, as pessoas que o filmavam com o celular, além de não oferecerem ajuda, torciam para que o africano se afogasse e o xingavam.

“Deixe ele morrer”, “vá em frente, volte para casa”, diziam.

O homem acabou sendo resgatado por boias lançadas por salva-vidas de um barco que passava próximo ao local. O chefe local da associação italiana de salva-vidas, Dino Basso, criticou a negligência dos turistas: “Eu não quero culpar ninguém, mas talvez algo mais poderia ter sido feito para salvá-lo”, afirmou.

Assista.



No artigo

x