“Primeira operária Primeira-Dama do país”, diz MST sobre Marisa Letícia

Em nota, movimento relembrou a militância da companheira do ex-presidente Lula no Sindicato dos Metalúrgicos. Leia Por Redação...

1081 0

Em nota, movimento relembrou a militância da companheira do ex-presidente Lula no Sindicato dos Metalúrgicos. Leia

Por Redação

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) divulgou, na tarde desta quinta-feira (2), uma nota de pesar sobre o falecimento da ex-primeira dama, Dona Marisa Letícia, como era carinhosamente chamada pelos operários das fábricas e no movimento sindical.

O movimento, inclusive, lembrou na nota a militância que Marisa teve no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e seu envolvimento com a classe trabalhadora.

“Forte e discreta, compartilhou com Lula o sonho de uma sociedade justa e fraterna. E se transformou na primeira operária Primeira-Dama do país”, escreveram.

Leia a nota na íntegra.

À família e amigos do companheiro Lula*

É com profundo pesar que nos dirigimos à família de Dona Marisa Letícia, em especial ao seu companheiro de vida, Luiz Inácio Lula da Silva, para manifestar nossa solidariedade e desejar força nesse momento de dor.

Dona Marisa foi uma lutadora e exemplo da classe trabalhadora. Criou seus filhos, militou no sindicato dos metalúrgicos e participou com seu companheiro em todas as batalhas da classe.

Forte e discreta, compartilhou com Lula o sonho de uma sociedade justa e fraterna. E se transformou na primeira operária Primeira-Dama do país.

Com um abraço solidário de todos militantes do MST.

São Paulo, 2 de fevereiro de 2017.

Foto: Paulo Pinto/Instituto Lula



No artigo

x