Eurico Miranda diz ser contra árbitros gays: “Tendem a ajudar o namorado”

Declaração homofóbica foi dada pelo presidente do Vasco em entrevista; assista ao vídeo.

1236 0

Declaração homofóbica foi dada pelo presidente do Vasco em entrevista; assista ao vídeo

Por Redação

Em entrevista a Antonia Fontenelle, publicada em um canal no Youtube, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, afirmou que os árbitros homossexuais tentem a favorecer seus parceiros em partidas de futebol. “Eu não sou contra o gay. Me manifestei no futebol sobre isso por ser contra árbitro gay. Isso desde lá atrás. Motivo de eu ser contra? Não tenho nada contra o gay. Agora, contra a bicha, a bicha extrovertida e toda cheia de coisa”, afirmou.

“Ele pode tender para o namorado dele. Todo gay tem namorado. Ele é gay, tem que ter namorado. Desde lá atrás, como era o (ex-árbitro) Margarida”, disse, lembrando do juiz Clésio Moreira dos Santos, que apitou partidas do Campeonato Carioca nos anos 1990. Eurico, como era de se esperar, recebeu inúmeras críticas nas redes sociais por causa do tom preconceituoso das declarações.

Assista ao vídeo.

Foto: Marcelo Sadio/Vasco



No artigo

x