Igreja Universal deve comandar setor de comunicação da Câmara dos Deputados

Por uma negociação de campanha, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deve indicar para o comando da Secom (Secretaria de Comunicação) o deputado Márcio Marinho (PRB-BA), pastor licenciado da Universal Por Redação*...

2735 0

Por uma negociação de campanha, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deve indicar para o comando da Secom (Secretaria de Comunicação) o deputado Márcio Marinho (PRB-BA), pastor licenciado da Universal

Por Redação*

Passada a votação que elegeu Rodrigo Maia (DEM-RJ) o presidente da Câmara dos Deputados, parlamentares negociam agora as indicações para comissões e setores. Desde 2015, por uma decisão do ex-presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o setor de comunicação da Câmara, a Secom (Secretaria de Comunicação), passou a ser chefiado por um deputado.

O nome mais provável para assumir a Secom este ano é o de Márcio Marinho (PRB-BA). O parlamentar é pastor licenciado da Igreja Universal, de Edir Macedo, e trabalha como apresentador de dois programas televisivos: “Balanço Geral” e “Patrulha do Consumidor”, ambos da Record, que também faz parte do grupo de Edir.

A indicação de Márcio Marinho à chefia da Secom é dada como certa pois seria fruto de uma negociação de campanha entre o presidente eleito e o PRB.

Caso assuma esta cadeira, Marinho será o responsável por uma estrutura de mais de 500 funcionários, com rádios, canais de TV e portais.

*Com informações da Folha de S. Paulo



No artigo

x