E o tal do mundo não se acabou

E o mundo não se acabou, apesar do russo Dyomin Damir Zakharovich afirmar que um asteroide iria dizimar a vida na Terra nesta quinta-feira (16). Resta a nós, terráqueos, ouvir o divertido samba-choro de Assis Valente, aqui na voz de Carmem Miranda em gravação...

966 0

E o mundo não se acabou, apesar do russo Dyomin Damir Zakharovich afirmar que um asteroide iria dizimar a vida na Terra nesta quinta-feira (16). Resta a nós, terráqueos, ouvir o divertido samba-choro de Assis Valente, aqui na voz de Carmem Miranda em gravação de 1938.

Da Redação com Informações de Carmem Miranda e Assis Valente

E o mundo não se acabou, apesar do russo Dyomin Damir Zakharovich afirmar que um asteroide iria dizimar a vida na Terra nesta quinta-feira (16).

A Nasa, por sua vez, confirmou que o corpo celeste, de um quilômetro de diâmetro, se aproximou, sim, da Terra, mas negou qualquer ameaça, já que o asteroide passou a módicos 51 milhões de quilômetros de distância do nosso planeta.

Posto isso, mais relaxados, resta a nós, terráqueos, ouvir o divertido samba-choro de Assis Valente, aqui na voz de Carmem Miranda em gravação de 1938.

E o mundo não se acabou (Assis Valente)

Anunciaram e garantiram que o mundo ia se acabar
Por causa disto a minha gente lá em casa começou a rezar
Até disseram que o sol ia nascer antes da madrugada
Por causa disto nesta noite lá no morro não se fez batucada

Acreditei nessa conversa mole
Pensei que o mundo ia se acabar
E fui tratando de me despedir
E sem demora fui tratando de aproveitar

Beijei a boca de quem não devia
Peguei na mão de quem não conhecia
Dancei um samba em traje de maiô
E o tal do mundo não se acabou

Peguei um gajo com quem não me dava
E perdoei a sua ingratidão
E festejando o acontecimento
Gastei com ele mais de quinhentão
Agora soube que o gajo anda
Dizendo coisa que não se passou
Ih, vai ter barulho e vai ter confusão
Porque o mundo não se acabou



No artigo

x