“O Brasil depois do impeachment é uma vergonha mundial”, diz chanceler da Venezuela

Ela disse ainda que “Todos os seus políticos estão envolvidos em algum escândalo desde que deram esse golpe de Estado contra Dilma Rousseff".

1794 0

Ela disse ainda que “Todos os seus políticos estão envolvidos em algum escândalo desde que deram esse golpe de Estado contra Dilma Rousseff”.

Da Redação com Informações da Folha

“Hoje, devemos dizer: lamentavelmente, o Brasil [é] uma vergonha mundial. Todos os seus políticos estão envolvidos em algum escândalo desde que deram esse golpe de Estado contra Dilma Rousseff”.

A frase acima foi dita pela chanceler da Venezuela, Delcy Rodríguez, em entrevista coletiva na última segunda-feira (06). A informação é da imprensa local.

“Se não é seu presidente, é algum de seus ministros ou congressistas. Isso é um concerto de corrução, mas isso não os incomoda porque a direita imperialista estende um tapete vermelho para eles”, acrescentou.

Rodríguez também fez críticas a outros governos latino-americanos e ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, classificando políticas do país para barrar a imigração de xenófobas.

Ela chamou o presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, de “covarde” e “cachorro simpático”. O Peru, por sua vez, rejeitou as observações “insolentes” do governo venezuelano e disse que enviaria uma nota de protesto.

 



No artigo

x