Já mirando Doria 2018, MBL inventa notícia falsa sobre Lula e Marisa

O grupo liderado por Kim Kataguiri e Fernando Holiday, o vereador que até agora não explicou as denúncias de caixa 2 em sua campanha, inventou que o ex-presidente recebe R$20 mil de aposentadoria de...

3200 0

O grupo liderado por Kim Kataguiri e Fernando Holiday, o vereador que até agora não explicou as denúncias de caixa 2 em sua campanha, inventou que o ex-presidente recebe R$20 mil de aposentadoria de sua falecida esposa, Dona Marisa, em uma clara tentativa de justificar a reforma da Previdência. Equipe do petista desmentiu informação 

Por Redação 

O Movimento Brasil Livre (MBL), grupo que liderou as manifestações pró-impeachment, que aclamou Eduardo Cunha e que fez campanha para a eleição de João Doria (PSDB) à prefeitura de São Paulo, em uma clara tentativa de justificar sua defesa à reforma da Previdência e já iniciar uma campanha anti-Lula para 2018, está espalhando mentiras sobre o ex-presidente e sua falecida esposa, Dona Marisa.

Em sintonia com João Doria, que sempre que pode ataca Lula gratuitamente, o grupo postou na noite desta quarta-feira (15) em sua página no Twitter, a notícia de que o ex-presidente receberia R$20 mil de aposentadoria de Dona Marisa.

“Ontem Lula disse que recebia R$20 mil da aposentadoria da mulher. Hoje, ele diz que não precisa mudar a Previdência. Explicado?”, escreveram.

A informação, no entanto, não procede. A divulgação de um boato indica uma clara tentativa (mais uma) de desconstrução da imagem de Lula para, como efeito, justificar a reforma da Previdência e enaltecer seu candidato, João Doria. O próprio MBL já admitiu que tem o tucano como nome para apoiar em 2018 caso se candidate.

A equipe do ex-presidente Lula prontamente desmentiu a informação. O que Lula disse no depoimento à Justiça que o grupo se referenciou foi, na verdade, que o petista recebe R$6 mil de aposentadoria como anistiado político e nem um centavo pelo acidente de trabalho em que perdeu o dedo. Dona Marisa também não possuía aposentadoria no valor mencionado. Na nota, a equipe do petista ainda pediu respeito com a ex-primeira dama.

“O Movimento Brasil Livre (MBL), divulgou ontem mais uma mentira em suas redes sociais. Dessa vez, a falsidade foi dita a respeito de Dona Marisa Letícia. O ex-presidente não disse que recebe R$ 20 mil de aposentadoria de sua mulher. Pior que isso, Dona Marisa não recebia uma aposentadoria de R$ 20 mil. O ex-presidente realmente afirmou foi que recebe R$ 6 mil de aposentadoria como anistiado político (não recebe nenhuma aposentadoria pelo acidente de trabalho onde perdeu o dedo) e R$ 20 mil mensais da LILS, sua empresa de palestras. Tal renda veio das 72 palestras que o ex-presidente fez para 42 empresas após deixar a presidência. Dona Marisa era a responsável por administrar as finanças da família, inclusive a renda mensal da LILS. Há pouco mais de um mês, Lula perdeu sua esposa e companheira de décadas. Era de se esperar que mesmo o MBL tivesse respeito com tal perda. Pedimos, então, o básico da civilidade: respeitem Dona Marisa”, escreveu a assessoria de Lula. 



No artigo

x