Líder do MST no Pará é morto por homens encapuzados dentro de hospital

Waldomiro Costa Pereira estava na UTI há dois dias, após sofrer um ataque dentro do próprio sítio.

1426 0

Waldomiro Costa Pereira estava na UTI há dois dias, após sofrer um atentado no sítio em que morava

Por Redação

Nesta segunda-feira (20), um grupo de homens invadiu o Hospital Geral de Parauapebas, no Pará, e assassinou a tiros Waldomiro Costa Pereira, um dos principais líderes do Movimento dos Sem Terra (MST) no estado.

A vítima, que também assessorava o gabinete da Prefeitura, estava na UTI há dois dias, após sofrer um atentado dentro do próprio sítio.

Por volta das 2h30, os vigilantes foram rendidos por cinco homens armados e encapuzados que chegaram em duas motocicletas. Três deles entraram no prédio e efetuaram o ato, que durou cerca de três minutos, de acordo com testemunhas.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde declarou que irá disponibilizar todas as imagens do circuito interno de gravação do hospital para as autoridades. A Polícia Civil abriu inquérito para investigar o caso.

Foto: Reprodução



No artigo

x