URGENTE: Presidente do DCE da Fatec é preso por mobilizar estudantes contra cobrança na pós-graduação

O Conselho Estadual da Educação votaria, nesta quinta-feira (29), a proposta de cobrar mensalidades na pós-graduação da Faculdade de Tecnologia de São Paulo, mas o ítem foi retirado da pauta graças à pressão dos...

2922 0

O Conselho Estadual da Educação votaria, nesta quinta-feira (29), a proposta de cobrar mensalidades na pós-graduação da Faculdade de Tecnologia de São Paulo, mas o ítem foi retirado da pauta graças à pressão dos estudantes. A PM foi acionada e prendeu o presidente do DCE Henrique Domingues, que tentava apenas passar nas salas para dar o comunicado aos estudantes.

Por Marina Urias Gomes, colaboradora da Rede Fórum

O Conselho Estadual da Educação de São Paulo deve liberar em breve a cobrança de mensalidade em cursos de pós-graduação das Faculdades de Tecnologia (Fatec) administradas pelo Centro Paula Souza. O ítem seria votado nesta quinta-feira (29), mas foi retirado de pauta graças à pressão do Diretório Central dos Estudantes (DCE), que mobilizou os alunos.

O DCE, então, começou a receber ataques de uma professora da Fatec Ipiranga, chamando o Diretório de “mentiroso” e “massa de manobra”.

O presidente do DCE, Henrique Domingues, iria passar de sala em sala para conversar com os estudantes da Fatec Ipiranga sobre a proposta e a mobilização e a diretoria da instituição chamou a Polícia Militar, que prendeu o jovem.

A prisão de Henrique foi transmitida pelo Facebook.

Segundo relato da estudante da Fatec Ipiriranga, Fernanda Matos, ele foi levado para a 83º DP e um advogado já estaria a caminho do distrito policial.

O Diretório Acadêmico da Fatec Zona Leste divulgou nota de repúdio à prisão do estudante.

NOTA DE REPÚDIO À PRISÃO VIOLENTA DO ALUNO DA FATEC 
O aluno Henrique Domingues foi preso violentamente pela Polícia Militar dentro das dependências da Fatec Ipiranga, o que configura grave atentado ao movimento dos estudantes fatecanos em poder estar em seu local de direito.
Henrique é presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) e tem autorização do Centro Paula Souza para falar com os alunos nas dependências de TODAS as faculdades de tecnologia. O documento foi enviado a TODOS os diretores, mas a Fatec Ipiranga impediu que ele pudesse passar nas salas em nome do movimento estudantil e chamou a polícia militar para retirá-lo à força da unidade.
O DA FATEC ZL, repudia esta lamentável ação violenta contra o fatecano e apoia os movimentos estudantis. 

 



No artigo

x