Boca de urna indica disputa entre Macron e Le Pen no segundo turno na França

Primeiras estimativas foram divulgadas logo após encerramento da votação

342 0

Primeiras estimativas foram divulgadas logo após encerramento da votação

Por Opera Mundi – Atualizada às 15h11

Pesquisa de boca de urna do instituto Ipsos divulgada pelo jornal Le Monde após o fechamento das urnas nas eleições presidenciais na França neste domingo (23/04) indica uma disputa entre Emmanuel Macron, do centrista En Marche, e Marine Le Pen, da ultradireitista Frente Nacional no segundo turno.

Macron teria 23,7% dos votos, enquanto Le Pen teria 21,7%. Em terceiro lugar estariam empatados Jean-Luc Mélenchon, da coalizão de esquerda França Insubmissa, e François Fillon, do direitista Os Republicanos, com 19,5%.

Benoît Hamon, do governista Partido Socialista, teria 6,2%. Em seguida viriam Nicolas Dupont-Aignan (5%), Jean Lassalle (1,5%), Philippe Poutou (1,2%), François Asselineau (0,8%), Nathalie Arthaud (0,7%) e Jacques Cheminade (0,2%).

A maior parte dos colégios eleitorais abertos neste domingo na França para o primeiro turno das eleições presidenciais fechou às 19h (horário local, 14h em Brasília), uma hora antes do encerramento da jornada nos centros de votação das grandes cidades do país.

Assim, os eleitores ainda podem comparecer às urnas em Paris, Lyon, Marselha, Bordéus, Toulouse, Nice, Lille e Estrasburgo, entre outras grandes cidades.

Após a abertura às 8h (horário local, 3h em Brasília), às 17h (meio-dia em Brasília) 69,42% dos franceses já tinham votado, um número ligeiramente inferior às eleições presidenciais de 2012, quando nessa essa mesma hora 70,59% já tinham depositado os votos.

Embora os institutos de pesquisa de opinião tivessem previsto nos últimos dias uma abstenção superior à das duas últimas edições, cerca de 30% do eleitorado, espera-se que desta vez a participação ronde os 80%.

A votação aconteceu com fortes medidas de segurança e sem grandes problemas. Um dos poucos incidentes foi o fechamento temporário de dois postos de votação em Besançon, no leste da França, depois que duas pessoas abandonaram um carro ligado perto de um desses locais.



No artigo

x