Apoiador da ‘reforma’ de Temer, Silvio Santos era dono de plano de previdência acusado de fraude

Empresa Aposentec, que pertencia ao Grupo Silvio Santos, coleciona reclamações de pessoas que se dizem lesadas; algumas garantem que parentes morreram sem conseguir o benefício Por Redação...

1545 0

Empresa Aposentec, que pertencia ao Grupo Silvio Santos, coleciona reclamações de pessoas que se dizem lesadas; algumas garantem que parentes morreram sem conseguir o benefício

Por Redação

O dono da emissora SBT, Silvio Santos, participou de uma reunião com Michel Temer na última quinta-feira (20) e decidiu entrar na campanha pela reforma da Previdência. Desde então, ele tem usado o canal para veicular propagandas do projeto.

“Você sabia que se não for feita a reforma da Previdência, você pode deixar de receber o seu salário?”, diz a mensagem de um dos vídeos. “Você sabe que alguns estados brasileiros estão sem dinheiro para pagar as suas contas? Você quer que aconteça o mesmo com o Brasil?”, afirma outra.

No entanto, entidades sindicais alertam que, embora o governo tente convencer a população sobre a necessidade da medida, ela oferece riscos para milhões de trabalhadores brasileiros e representa uma ameaça a direitos já adquiridos.

Entre os retrocessos apontados está a definição de uma idade mínima para a aposentadoria, aos 65 anos, em um país em que muitos morrem antes disso. Também querem exigir 49 anos de contribuição para se obter aposentadoria integral, sendo que hoje são 25 anos, quase a metade.

O que pouca gente lembra é que Silvio Santos – que hoje se une a Temer nesse tipo de iniciativa – já foi responsável pelo plano de aposentadoria privada Aposentec. A marca fez parte do Grupo Silvio Santos, formado por dezenas de companhias como a Liderança Capitalização (que opera a Tele Sena), o Hotel Jequitimar, a Jequiti Cosméticos, e empreendimentos agropecuários e imobiliários como a Sisan.

A Aposentec, nos anos 1980, foi acusada de fraude por inúmeras pessoas que não obtiveram os benefícios prometidos pela empresa. Em um fórum de discussão aberto sobre o assunto na internet, clientes comentaram a frustração.

“Minha saudosa mãe pagou aquela porcaria durante anos, de repente o Silvio Santos ou a Justiça, sei lá, fechou a Aposentec e nunca conseguimos obter informações”, escreveu uma usuária.

“Isto mostra que não podemos confiar em nenhum plano de aposentadoria privada no Brasil”, completou outro. “Meu irmão pagou 10 anos esse plano até o dia que ele morreu e não viu a cor do dinheiro. Esse Silvio é o maior caloteiro”, protestou um terceiro.

Foto: Divulgação



No artigo

x