‘Somos a favor do direito a greve, mas não num dia de trabalho’, diz subprefeito de Doria

O subprefeito de Pinheiros, Paulo Mathias, querendo fazer sucesso na linha do chefe, postou um vídeo ontem à noite na internet cercado de meia dúzia de funcionários da sua regional, todos com caras tristes, dizendo que eles iriam dormir no local para trabalhar.

342 0

Da Redação

Em São Paulo, o subprefeito de Pinheiros, Paulo Mathias, querendo fazer sucesso na linha do chefe, postou um vídeo ontem à noite na internet cercado de meia dúzia de funcionários da sua regional, todos com caras tristes, dizendo que eles iriam dormir no local para trabalhar.

Empolgado, ao anunciar sua decisão absolutamente constrangedora, Mathias soltou a frase pérola que dá o tom da visão do prefeito sobre as relações capital e trabalho. Ele disse que “nós (provavelmente ele e o prefeito) somos a favor do direito a greve , mas não em dia de trabalho”.

Evidentemente que ao dizer isso, Mathias deixa claro que não sabe o que é greve. Mas mais do que isso, parece também não saber o que é trabalho. Assista ao vídeo.



No artigo

x