Por amor à mãe, mulher transforma chácara em área de preservação ambiental

Claudina Scopel é a única moradora remanescente na região onde foi instalada uma empresa de produtos agroquímicos em Londrina (PR). Para amenizar os efeitos nocivos à saúde da mãe, ela plantou mais de 1400 árvores de...

283 0

Claudina Scopel é a única moradora remanescente na região onde foi instalada uma empresa de produtos agroquímicos em Londrina (PR). Para amenizar os efeitos nocivos à saúde da mãe, ela plantou mais de 1400 árvores de espécies nativas, algumas delas em extinção

Por Redação

Na década de 1970 foi instalada uma empresa de produtos agroquímicos na região onde hoje está situado o conjunto Eucaliptos, na Zona Norte de Londrina (PR). O local era composto por chácaras, mas a companhia comprou parte desses terrenos, expandiu suas atividades e atualmente pertence à multinacional Adama.

Claudina Scopel é a única moradora remanescente na região. Quando a mãe adoeceu, ela percebeu os efeitos nocivos causados pela empresa vizinha. Então, decidiu arborizar a área com mais de 1400 árvores de espécies nativas, algumas delas em extinção. E, em 2013, conseguiu fazer com que a chácara virasse um Bosque de Preservação Permanente.

Conheça mais sobre essa história no vídeo abaixo, produzido pelo grupo Jornalismo Periférico.



No artigo

x