Criminalista defende internação compulsória para Doria

“Precisamos fazer um exame de sanidade mental neste prefeito”, diz o advogado criminalista Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay. Do SP 247...

550 0

“Precisamos fazer um exame de sanidade mental neste prefeito”, diz o advogado criminalista Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay.

Do SP 247

O advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, um dos principais criminalistas do Brasil, defende que o prefeito de São Paulo, João Doria, seja internado compulsoriamente para exames de sanidade mental.

Kakay fez essa declaração ao reagir à iniciativa do prefeito, que defende internar compulsoriamente usuários de drogas da Cracolândia, em São Paulo, mesmo que não haja autorização dos dependentes químicos nem de suas famílias.

“É um escândalo”, diz Kakay, que diz nunca ter visto nada tão teratológico.

A ação desastrada de Doria na Cracolândia já provocou a demissão de sua secretária de Direitos Humanos, Patrícia Bezerra, e foi amplamente criticada por especialistas.

“Precisamos fazer um exame de sanidade mental neste prefeito”, diz Kakay.

Doria, por sua vez, tenta “limpar” a área para facilitar empreendimentos imobiliários na região da Luz.
Ouça a fala do advogado:



No artigo

x