Justiça condena governador Beto Richa (PR) a devolver dinheiro de viagem a Paris

Antes de agenda oficial, Beto Richa e esposa ficaram um final de semana na capital francesa, onde se hospedaram em hotel cinco estrelas e com despesas pagas pelo governo do Paraná  ...

338 0

Antes de agenda oficial, Beto Richa e esposa ficaram um final de semana na capital francesa, onde se hospedaram em hotel cinco estrelas e com despesas pagas pelo governo do Paraná

 

Por Redação                                                                                                                      Foto: Arnaldo Alves / ANPr.

O juiz Roger Vinicius Pires de Camargo Oliveira, da 3.ª Vara da Fazenda Pública, condenou o governador Beto Richa (PSDB-PR) e sua esposa, Fernanda Richa, a devolverem aos cofres do Estado os valores gastos pelo casal em um final de semana em Paris em outubro de 2015.

Antes de viagem que fariam em missão oficial para China, Rússia e França, para trazerem “investimentos estrangeiros para o Estado”. A condenação ocorreu a partir de uma ação popular patrocinada pelos advogados do escritório Bentivenha Advocacia Social, que compõem o coletivo de juristas Direitos Pra Todxs, no Paraná.

Segundo informações da época, a comitiva chefiada pelo casal chegou a Paris no sábado pela manhã, onde ficou até segunda-feira sem agenda oficial. A hospedagem ocorreu em hotel cinco estrelas em área turística, cuja diária custava o equivalente a cerca de R$ 1 mil. A viagem de Beto Richa, Fernanda Richa e dois assessores foram pagas com dinheiro público. Ainda cabe recurso da condenação em instâncias superiores da Justiça.



No artigo

x