Parada do Orgulho LGBT reúne multidão em SP

A 21ª edição do evento teve como tema a defesa pelo Estado laico

228 0

A 21ª edição do evento teve como tema a defesa pelo Estado laico

Da Redação | Foto: Reprodução/Twitter/@paradasp

Neste domingo (18), uma multidão colorida tomou a Avenida Paulista. Eram esperadas 3 milhões de pessoas na 21ª edição da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo. O evento teve início às 10h em frente ao Masp, e contou com 19 trios elétricos que desceram pela Rua da Consolação até o Vale do Anhangabaú.

Segundo a ONG APOGLBT SP (Associação da Parada do Orgulho de Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros de São Paulo), organizadora do evento, o tema deste ano foi “Independente de nossas crenças, nenhuma religião é Lei! Todas e todos por um Estado Laico”.

“Este tema foi discutido em várias reuniões ao longo do ano desenvolvido pela ONG em parceria com coletivos, outras ONGs LGBTs e militantes independentes, onde, entre diversas questões, o fundamentalismo religioso tem ganhado dentro da política grande importância aos avanços e retrocessos morais sobre os assuntos ligados à diversidade”, dizem os organizadores.

Entre os trios, estava o da atriz Leandra Leal, com o tema “Divinas Divas”, nome do longa dirigido por ela, que traz a história da primeira geração de travestis do Brasil.

(Foto: Reprodução/Instagram)

Outro trio, patrocinado pela empresa Uber, levou as cantoras Anitta e Naiara Azevedo.

Daniela Mercury foi uma das atrações mais esperadas, que estava acompanhada de sua companheira Malu Verçosa.

A madrinha da Parada deste ano foi a modelo e apresentadora do programa Amor & Sexo, Fernanda Lima.
“A religião é uma opção de cada cidadão e não tem nada a ver com direito civil da sociedade como um todo”, disse ela.

A comunidade também pediu #DiretasJá na Parada.

(Foto: Mídia Ninja)



No artigo