Isis Valverde ganha processo no STJ contra Editora Abril por foto sem autorização na Playboy

A revista publicou foto dos seios da atriz com a chamada: "Isis Valverde, no Rio, dá adeusinho e deixa escapar cartão de boas-vindas"." O STJ entendeu que ficou demonstrado o abuso na divulgação e o mau uso da comunicação pela revista, sem qualquer interesse...

472 0

A revista publicou foto dos seios da atriz com a chamada: “Isis Valverde, no Rio, dá adeusinho e deixa escapar cartão de boas-vindas”.” O STJ entendeu que ficou demonstrado o abuso na divulgação e o mau uso da comunicação pela revista, sem qualquer interesse público”, informou.

Da Redação*

De acordo com decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), a atriz Isis Valverde será indenizada por danos morais em R$ 40 mil pela Editora Abril. A razão foi uma foto sua ter sido publicada sem autorização na revista Playboy, em 2007.

A revista publicou foto dos seios da atriz com a chamada: “Isis Valverde, no Rio, dá adeusinho e deixa escapar cartão de boas-vindas”. De acordo com o STJ, “durante gravação de cena em que, vestida, a atriz caía dos arcos da Lapa, o fotógrafo posicionou-se para flagrar suas partes íntimas”.

“O STJ entendeu que ficou demonstrado o abuso na divulgação e o mau uso da comunicação pela revista, sem qualquer interesse público”, informou.

Com a decisão, além do dano moral, deverá ser calculado o dano material, consistente no que a atriz receberia pela fotografia, segundo o tribunal.

A Editora Abril ainda pode recorrer da decisão.

*Com informações do G1

Foto: Eny Miranda/ Riotur

 



No artigo

x