Recado do Vaccari aos que foram buscá-lo em Curitiba

Com a notícia de que o TRF-4 absolveu o ex-tesoureiro do PT por falta de provas, dezenas de apoiadores foram em comitiva para Curitiba para acompanhar sua soltura. Moro, no entanto, alegou outra condenação...

325 0

Com a notícia de que o TRF-4 absolveu o ex-tesoureiro do PT por falta de provas, dezenas de apoiadores foram em comitiva para Curitiba para acompanhar sua soltura. Moro, no entanto, alegou outra condenação para manter Vaccari preso provisoriamente, mas ele mandou recado aos que foram buscá-lo: “Vou sair daqui”. Leia

Por Redação 

Nesta quarta-feira (28), dezenas de militantes foram de ônibus até Curitiba, no Paraná, para prestar apoio e buscar João Vaccari da prisão, onde está preso provisoriamente há mais de dois anos a mando do juiz Sérgio Moro. A comitiva de apoio foi à capital paranaense após a notícia de que o Tribunal Federal da Quarta Região Federal, TRF-4, absolveu o ex-tesoureiro do PT por dois votos a um por considerar que não existiam provas para a condenação feita por Moro.

Após a decisão do TRF-4, no entanto, Moro mandou dar baixa da prisão anterior, mas alegou que existe outra prisão preventiva decretada por ele e que por isso Vaccari deve continuar detido. A estratégia de Moro, desde que começou a Lava Jato, é decretar série de prisões preventivas e jogar a chave do presídio fora de maneira irregular perante a legislação brasileira.

Mesmo sem ainda ter sido solto, Vaccari mandou um recado aos que foram buscá-lo.

Leia.

Estou bem!
Não mereço tudo isso, mas agradeço. Fiquei muito feliz em saber da presença de vocês.

Vou sair daqui, não roubei, não matei, fui preso por que era o tesoureiro do PT.

Chequei aqui pela política num carro de polícia e vou sair daqui pela política junto com meus companheiros.

Forte abraço a todos

 



No artigo

x