Aprovado texto principal da reforma trabalhista no Senado

A oposição conseguiu suspender a sessão por mais de 7 horas com o intuito de se discutir mais o projeto que o governo Temer queria aprovar a toque de caixa, mas presidente do Senado...

459 0

A oposição conseguiu suspender a sessão por mais de 7 horas com o intuito de se discutir mais o projeto que o governo Temer queria aprovar a toque de caixa, mas presidente do Senado conseguiu iniciar a votação e projeto que vai retirar direitos trabalhistas foi aprovado com 50 votos favoráveis. Ainda serão votados destaques e emendas 

Por Redação 

Mesmo com toda a pressão da oposição, o presidente do Senado conseguiu, no início da noite desta terça-feira (11), colocar em votação o projeto da reforma trabalhista vindo da Câmara e que deve retirar direitos dos trabalhadores. O texto principal foi aprovado com 50 votos favoráveis, 26 contrários e uma abstenção.

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), uma das que ocupou a mesa diretora com o intuito de barrar a votação de hoje para que se pudesse discutir mais o projeto, classificou a reabertura da votação como “vergonhosa”.

“A maioria aqui é empresário ou da aristocracia do serviço público. Quantos aqui passaram fome? Quantos sacolejaram 40, 50 minutos para ir trabalhar?”, questionou.

O senadores analisam, neste momento, os destaques e emendas apresentados ao texto. Caso algum destaque seja aprovado, o projeto não vai para sanção presidencial e deve voltar para análise da Câmara dos Deputados.

 



No artigo

x