Temer não caiu porque sabe quem são os donos dos votos no Congresso

Embora a mídia tradicional fale que presidente se mantém porque tem temperamento melhor do que o de Dilma ou por dar dinheiros para emendas, isso é bobagem. Quem define os votos são os donos das...

314 0

Embora a mídia tradicional fale que presidente se mantém porque tem temperamento melhor do que o de Dilma ou por dar dinheiros para emendas, isso é bobagem. Quem define os votos são os donos das bancadas empresarial, ruralista, evangélica e das empreiteiras

Por Frédi Vasconcelos

Esqueça o que você anda lendo na mídia tradicional. A manutenção de Temer no poder (não se sabe por quanto tempo) nada tem a ver com sua personalidade mais tranquila em comparação ao dito mau gênio da ex-presidente Dilma. Ou somente à liberação de milhões de reais em emendas parlamentares. Na realidade, as bancadas no Congresso Nacional, especialmente na Câmara dos Deputados, não se movem por questões pessoais, mas sim por interesses muito bem definidos.

Levantamento da Agência Pública, de 2016, mostra que a maior bancada na Câmara dos Deputados, que está analisando a denúncia de corrupção contra o presidente, é a de empreiteiras/construtoras, com 236 membros, de empresários, com 208, seguidos pela ruralista, com 207, e a de evangélicos, com 197. Sem contar a bancada dos parentes, a maior de todas, de filhos netos, primos de coronéis que estão há décadas no Congresso, que conta com 238 participantes.

Tá gostando deste texto e quer que a gente continue fazendo este tipo de jornalismo? Nos apoie fazendo uma doação aqui.

E Temer, que sempre foi um deles, sabe bem contentar essas bancadas. É reforma trabalhista para cortar direitos de trabalhadores de presente para empresários, dinheiro do BB para latifundiários, permitir desmatamento e acabar com essa história de direitos humanos e coibir o trabalho escravo no campo. Além de benefícios para as igrejas evangélicas neopentecostais e seus “bispos” milionários, inclusive com milhões de propaganda para as emissoras de rádio e TV que mantêm.

Os números da pesquisa (leia abaixo os dados) somam mais que os 513 deputados existentes porque parlamentares fazem parte de mais de uma bancada e seus interesses se misturam. E o que Temer e sua tropa de choque sabem, e muito bem, é contentar esses interesses. O problema, para eles, é que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia conhece bem esse jogo e pode até oferecer mais.

A pesquisa da Pública não identificou os políticos da bancada do sistema financeiro e da Globo e outros meios de comunicação, que são enormes também, mas que têm financiamento mais discreto e que se diluem nessas bancadas de interesses bem definidos. Esse povo, responsável pelo golpe parlamentar à ex-presidente Dilma Rousseff e pela manutenção até agora de Temer, é também capaz de inviabilizar qualquer avanço de verdade no País.

Bancadas (levantamento Agência Pública)

Evangélica     197

Ruralista       207

Bala    35

Sindical         43

direitos humanos      23

Mineração     23

Empresarial   208

Parentes       238

Saúde 21

Bola    14

Empreiteiras/construtoras   226



No artigo

x