Emendas e favores fazem efeito e Temer consegue barrar denúncia na Câmara

Número de votos a favor do parecer da CCJ, somados a ausências e abstenções, já ultrapassam os 175, suficiente parar arquivar a denúncia por corrupção passiva  Por Redação ...

158 0

Número de votos a favor do parecer da CCJ, somados a ausências e abstenções, já ultrapassam os 175, suficiente parar arquivar a denúncia por corrupção passiva 

Por Redação 

Nem as gravações, nem a mala de dinheiro e nem o clamor popular. Nada disso foi suficiente, diante da articulação de Temer em distribuir emendas parlamentares e favores, para fazer avançar a denúncia por corrupção passiva apresentada pela procuradoria-geral da República. Em sessão nesta quarta-feira (2), a Câmara dos Deputados decidiu arquivar a denúncia contra o peemedebista.

Para que o Planalto conseguisse arquivar a denúncia, seriam necessários 172 votos, entre votos favoráveis ao relatório da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), ausências e abstenções. Esse número já foi atingido. A votação continua mas, matematicamente, não é mais possível atingir o número de votos suficientes para barrar a denúncia.

Em breve, a lista completa de como votou cada deputado.



No artigo

x