Freixo faz críticas semelhantes as de Jean Wyllys sobre a Venezuela

O governo Nicolás Maduro tem se caracterizado por autoritarismo, violência, censura e diversos retrocessos democráticos.

389 0

O deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) usou as redes sociais para criticar o governo do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro,sua declaração foi uma reposta a uma pergunta feita por um seguidor de sua página no Facebook  que pediu que o parlamentar se posicionasse sobre o que pensava dos direitos humanos na Venezuela.

“As violações aos direitos humanos que ocorrem hoje na Venezuela devem ser denunciadas e repudiadas. O governo Nicolás Maduro tem se caracterizado por autoritarismo, violência, censura e diversos retrocessos democráticos. Só este ano já houve 100 mortes nas ruas por todo o país e mesmo garantias básicas como eleições, organizações partidárias e liberdade de expressão vem sendo atacadas”, respondeu.

“Trata-se de uma política desastrosa, tanto do ponto de vista econômico quanto humanitário. Mas tampouco apoiamos a oposição de direita, reconhecidamente golpista, que também não é capaz de vocalizar as demandas populares e representar os interesses dos trabalhadores da Venezuela”, completou Freixo.

O PSoL tem tido uma posição bastante controvertida em relação ao tema da Venezuela. No partido, há quem chame desde Maduro de ditador e assassino até quem reconheça nele uma liderança tanto democrática quanto firme para defender os interesses do país.



No artigo

x