PSDB promete autocrítica em cadeia nacional. Expectativa é de um longa metragem

Apesar de não dizer quais são exatamente os erros, o filme promete anuncia-los no próximo dia 17. Veja o vídeo aqui.

279 0

Apesar de não dizer quais são exatamente os erros, o filme promete anuncia-los no próximo dia 17. Outro detalhe que chama a atenção no filme é o uso de vários atores negros. O PSDB é um partido que nunca se notabilizou pela defesa das políticas para os negros. Veja o vídeo aqui.

Da Redação

Com uma peça publicitária que tenta parecer corajosa, o PSDB anunciou nesta terça-feira (8), em cadeia nacional, que errou.

“O PSDB errou e não adianta pedir desculpas”.

Apesar de não dizer quais são exatamente os erros, o filme promete anuncia-los no próximo dia 17.

Outro detalhe que chama a atenção no filme é o uso de vários atores negros. O PSDB é um partido que nunca se notabilizou pela defesa das políticas para os negros. Além disso, nas duas últimas legislaturas, tanto na Câmara, quanto no Senado, o partido não conta com nenhum parlamentar negro. Sobre isso veja aqui e aqui.

Talvez venha por aí mais um longa-metragem, que comece com o apoio à agenda neoliberal na década de 90 e termine com as malas de dinheiro da JBS para seu presidente Aécio Neves (PSDB-MG) ou o apoio ao golpe de Michel Temer, que arruinou a economia brasileira.

O filme, no entanto, fala apenas de “acertos” tucanos, como o Plano Real e a campanha das diretas nos anos 80.



No artigo

x