Tatuagem em homenagem a Temer ‘sumiu. Não existe mais’, afirma deputado

Wladimir Costa diz que estava bêbado e que vai processar o tatuador   Da Redação*  ...

818 0
Wladimir Costa diz que estava bêbado e que vai processar o tatuador

 

Da Redação*

 

Uma verdadeira declaração de amor e fidelidade a Michel Temer: um desenho com a bandeira do Brasil e o nome do presidente. A homenagem estava gravada na pele do Deputado Wladimir Costa (SD-PA). Estava, até se diluir entre água e sabão.

 

Na última quarta-feira (9), o parlamentar falou a jornalistas sobre a representação por assédio da qual é alvo no Conselho de Ética da Câmara. Foi aí que declarou que a tatuagem simplesmente “sumiu. Não existe mais”. A homenagem tinha sido feita no final de julho, dias antes da votação da Câmara que rejeitou a denúncia por corrupção passiva contra Temer.

 

Costa afirmou, na ocasião, que havia pago R$ 1.200 pela pintura, pensando ser definitiva. “Ele (tatuador) estava simulando que estava furando e não estava, porra. Ele estava simulando. E eu estava tomando cachaça com jambu, que é a nova moda no Pará, e não estava sentindo nada. Eu estava achando que estava (tatuando) e não estava”, conta.

 

O parlamentar disse ainda que vai processar o tatuador, mas que, mesmo sem tatuagem, sua fidelidade a Temer continua firme. “Ali eu morro agarrado”, diz.

 

 

*com informações da Agência Estado

 

Foto: Reprodução/ Facebook


No artigo

x