Depois de Temer e Alckmin, vem aí o tarifaço do Doria

A farsa vai desmoronando e João Doria, o prefeito gestor, prepara um presentão para 2018, incluindo aumento das tarifas de ônibus e até um “IPTUzaço” com até 64% de aumento Por Luiz Henrique Dias*...

872 0

A farsa vai desmoronando e João Doria, o prefeito gestor, prepara um presentão para 2018, incluindo aumento das tarifas de ônibus e até um “IPTUzaço” com até 64% de aumento

Por Luiz Henrique Dias*

A farsa vai desmoronando e João Doria, o prefeito gestor, prepara um presentão para 2018, incluindo aumento das tarifas de ônibus e até um “IPTUzaço” com até 64% de aumento.

Sobre o IPTU, Doria vai enviar para Câmara Municipal um projeto de lei para poder aumentar os valores do imposto, que vão subir em média 43%, afetando toda a cidade e apertando ainda mais o bolso da população em tempos de crise.

No transporte, depois da mentira de que iria manter congelada a tarifa, mas aumentado os valores temporais do Bilhete Único e mantendo apenas o valor do unitário sem reajuste, os representantes das empresas operadoras do Sistema já estão no pé do “prefake” pra garantir o aumento em 2018, alegando, inclusive, que a privatização dos corredores de ônibus – ao contrário do que prometeu Doria – vai encarecer a passagem.

Somadas ass maldades de Temer, com aumentos da gasolina, alimentos, serviços, planos de saúde, água e esgoto, e luz elétrica e com o desemprego, queda da renda do trabalhador e diminuição do salário mínimo, a população vai sofrer na pele o modelo Temer – Alckmin – Doria de governar.

E para os paulistanos, o ano de 2018 promete ser o ano do tarifaço em São Paulo, pois Doria precisa fazer caixa para a campanha eleitoral e pagar sua “conta” com os empresários que, até agora, sustentaram as jogadas de marketing da prefeitura, mas agora querem ver seus lucros aumentarem.

*Luiz Henrique Dias é analista político, professor e escritor



No artigo

x